16 julho 2011

Brechó

Foi o tempo em que brechó era um lugar que vendia roupas antigas, fora de moda e com cheiro de naftalina.
Hoje, eles são verdadeiros templos de peças exclusivas, cheias de estilos e com muitas histórias, tornou-se quase um estilo de vida.
Uma questão importante para quem vai mergulhar no mundo das roupas vintage é aprender um pouco sobre moda. No Brasil os brechós começaram a fazer sucesso a pouco tempo, mais países como Londres, Paris, Tóquio e Nova York possuem brechós que são programas à parte em uma viagem.
Um dos mais tradicionais brechós da cidade de São Paulo é o brechó -  Minha Avó Tinha.
Ele é parada obrigatória para produtores de moda e fashionistas em geral. Possui um acervo com  inúmeras de peças dos anos 20 aos anos 80. Não é por acaso que a equipe faz consultoria para algumas minisséries e novelas de épocas da Rede Globo.
Todas as peças do brechó passam por um processo de restauração e de lavagem especiais. O espaço físico da loja possui três andares onde no 1º estão as roupas masculinas e femininas e no 2º roupas de época, casacos, pijamas e roupas infantis e no 3º terninhos e tailleurs, maiôs anos 70 e chemises.

Confira o roteiro de outras opções de brechós:

Barcelona: Holala!
Londres: Rellik
Paris: Scarlett
Nova York: Beacon's Closet
Rio: Desculpe, Eu sou Chique
Berlim: Paul's Boutique

Fonte: Melissa Magazine, Plastic Dreams.

0 comentários:

 

Últimas Postagens do Blog